Lançamentos

Ver mais...

Resenhas

Ver mais...

Literatura Nacional

Ver mais...

Variedades

Ver mais...

Adaptações

Ver mais...

Leituras do mês

Ver mais...

Resenha | Belgravia de Julian Fellowes @EditoraIntrínseca

1.9.16



Uma nova saga histórica, fascinante e irresistível, repleta de segredos e escândalos.
Ambientada nos anos 1840, quando os altos escalões da sociedade londrina começam a conviver com a classe industrial emergente, e com um riquíssimo rol de personagens, a saga de Belgravia tem início na véspera da Batalha de Waterloo, em junho de 1815, no lendário baile oferecido em Bruxelas pela duquesa de Richmond em homenagem ao duque de Wellington.
Pouco antes de uma da manhã, os convidados são surpreendidos pela notícia de que Napoleão invadiu o país. O duque de Wellington precisa partir imediatamente com suas tropas. Muitos morrerão no campo de batalha ainda vestidos com os uniformes de gala.
No baile estão James e Anne Trenchard, um casal que fez fortuna com o comércio. Sua bela filha, Sophia, encanta os olhos de Edmund Bellasis, o herdeiro de uma das famílias mais proeminentes da Bretanha. Um único acontecimento nessa noite afetará drasticamente a vida de todos os envolvidos. Passados vinte e cinco anos, quando as duas famílias estão instaladas no recente bairro de Belgravia, as consequências daquele terrível episódio ainda são marcantes, e ficarão cada vez mais enredadas na intrincada teia de fofocas e intrigas que fervilham no interior das mansões da Belgrave Square.
• Belgravia foi lançado originalmente em capítulos semanais publicados em e-book, repletos de reviravoltas e sempre com um final surpreendente – uma homenagem à tradição dos folhetins emprestada agora ao livro digital.
• Criação do autor da festejada série de tv Downton Abbey, Belgravia tem todos os elementos necessários para agradar tanto o público da série quanto o público de novelas e romances históricos.

Nada comparado aos meus habituais romances de época apaixonantes, com suspiros e cenas emocionantes é claro, mas Belgravia conta com uma trama intrigante e cheia de surpresas que me manteve entretida a cada capítulo. Os Trenchards são da classe dos comerciantes, fornecedores do exército de Wellington e vivem na Bélgica. O romance começa quando Sophia de 18 anos, filha de James Trenchard apresenta a sua família convites para um baile na noite da batalha de Waterloo que ela conseguiu através de seu amante Edmund Bellasis. O baile é interrompido com a invasão de Napoleão que obriga os homens presentes a irem a luta, inclusive Edmund que acaba perdendo a vida lá. Difícil falar deste livro sem dar spoiler, contudo, como estes fatos ocorrem logo no primeiro capítulo, não chega exatamente a ser um.

James Trenchard volta a Londres com a esposa, Anne e seu filho Oliver 25 anos depois. Seu trabalho com a construção de mansões em Belgravia cresceu, mas não a ponto dele ter subido na escala da alta sociedade como gostaria. Sua filha Sophia morreu no parto e o seu filho com Edmund foi dado a adoção para um pastor. É este romance proibido entre Sophia e Edmund que acaba ligando duas famílias diferentes. Para evitar o escândalo e preservar a honra da filha, James e Anne teceram durante todos estes anos uma teia de mentiras, onde James conviveu com o neto em segredo e Anne se arrependeu de ter se livrado da criança.

Eu não conheço a tão comentada série Downton Abbey, no entanto, como eu gostei deste livro, pode ser que uma hora eu assista para matar a curiosidade. É dito que quem gostou da série vai aproveitar muito mais desta obra. Narrado em terceira pessoa, apresenta em sua maior parte a perspectiva de Anne e isto faz com que o leitor se simpatize com ela desde o começo, entretanto, também são incluídas as perspectivas de vários outros personagens no decorrer do enredo. Um romance histórico de 11 capítulos recheados de clichês, dramas e suspense que termina de forma surpreendente. Foi exatamente por isto que a leitura foi tão agradável, além de possuir um ótimo ritmo. Todos os personagens cativam a sua maneira e o estilo de escrita do autor é rico em detalhes da década de 1840. Fascinante leitura para quem gosta do gênero.



Comentários
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

- Seu comentário estará visível depois de aprovado
- Comentários ofensivos e preconceituosos não serão aceitos.
- Não forneço livros em PDF, por favor não comente se for para fazer este tipo de solicitação.

No Instagram

Copyright © 2017 Meu Vício em Livros | Todos os direitos reservados | Design e desenvolvimento: J.A Layouts