Lançamentos

Ver mais...

Resenhas

Ver mais...

Literatura Nacional

Ver mais...

Variedades

Ver mais...

Adaptações

Ver mais...

Leituras do mês

Ver mais...

[Resenha] Um Novo Amor a Vista de Cláudio Quirino

29.9.15

Darla é uma típica mulher moderna brasileira - determinada, trabalha, pega condução, tem seus sonhos secretos e ainda está enquadrada na categoria consumidora compulsiva, mas só tem um probleminha: seu pequeno salário não é suficiente para suas grandes necessidades. Diariamente tentada pelas propagandas das grifes e incapaz de ignorá-las, ela sempre acaba indo ao encontro de inúmeras bolsas, sapatos e óculos de marcas famosas e suas próprias extravagâncias. Para completar, seu namorado de seis meses - Greg - acaba de sair de casa e abandoná-la. Disposta a controlar a sua solidão comprando (mesmo que, para isso, seu nome continue no vermelho), Darla vai, aos poucos, se envolvendo numa série de situações divertidas e surpreendentes, capazes de arrancar risadas à medida que seus pensamentos se decifram aos olhos do leitor.

Comprar, comprar e comprar... e só se dar conta do estrago assim que chegar a fatura do cartão de crédito. Quem se identifica? Neste livro você vai se divertir com a protagonista Darla, uma consumidora compulsiva, fanática por produtos e roupas de grifes, mas que não tem um orçamento compatível com seus desejos. Ao ter o limite do cartão excedido, ela precisa fazer planos de como sobreviver sem os itens extremamente "essenciais" na sua vida.

Uma comédia romântica para lá de engraçada que vai prender sua atenção do início ao fim. Darla tem 29 anos e trabalha em uma loja de cosméticos. Em meio ao termino recente de um relacionamento, a frustração de ter que economizar cada centavo, a preocupação com o peso e o horror de ser chamada de "senhora", Darla ganha uma viagem para Florianópolis com tudo pago. Lá ela conhece uma doida que será sua nova melhor amiga e no lugar menos provável, um novo amor, daí o nome do livro.

Chick lit para quem não sabe, é um gênero de ficção feminina, que aborda as questões das mulheres modernas. São romances leves, divertidos e charmosos, o retrato da mulher atual, independente, culta e audaciosa. Realmente a definição do que você vai ver neste aqui. Normalmente escrito por mulheres, este surpreende por ter sido o primeiro de um autor nacional que deu um show de conhecimento das melhores marcas e tendências de moda.

Os diálogos são leves, a narração é feita pela Darla que conversa com o leitor, as cenas são as típicas do nosso cotidiano, mas quase todas apresentam algo constrangedor e hilário já que para ela nada é simples e a lei de murphy é sua eterna companheira.
"Livro, Livro. Livro. Pensando bem, posso facilmente substituir os créditos do meu celular por um livro de cabeceira. E, também, quem precisa de créditos quando se está neste lugar lindo?"
Darla recebe um bom dinheiro para gastar durante a viagem e faz planos de curtir o passeio, quitar o cartão e de quebra ainda ter alguns trocados de reserva. Só que esta não será uma tarefa fácil, cada obstáculo que surge desde carregar uma simples mala pesada no aeroporto até comprar o protetor solar que ela esqueceu de levar, praticamente imploram para que o seu capital diminua.

Ela vive situações espirituosas e inusitadas e é impossível não se entusiasmar com suas trapalhadas. O grande desafio dela? Pensar em uma desculpa para dar a todos os cobradores ao retornar da viagem e ainda correr o risco de ficar sem teto junto com sua cadelinha chamada Au-Au. Hahaha, até o nome do seu animal de estimação é engraçado. Vale a pena conferir!




Comentários
4 Comentários

4 comentários

  1. Não conhecia a autora desse livro, e nem o livro, e depois de ler sua resenha achei o livro super interessantes, por causa do tema que ele aborda, e também bastante descontraído. Na faculdade vou fazer um trabalho sobre consumismo, e antes acho que vou ler esse livro.

    ResponderExcluir
  2. Super me identifiquei com Darla! Adoro esses romances que tratam de mulheres como eu! hahahaha... Já foi pra lista de livros que preciso ler! Eu gosto de leituras divertidas!
    Luci
    Ponto de Exclamação

    ResponderExcluir
  3. Oiê
    Caraca, de inicio eu achei esse titulo bem legal e estava louvo para ver sua humilde opinião, e devo ressaltar que foi pra lar de boa, li dar com a falta de dinheiro para essa garota não deve ter sido fácil. Adoro rir com os livros e parece que nela também me promete grandes gargalhadas, outro ponto positivo é saber que por o autor se rum homem ele manjou muito bem no Paranauê da moda, legal. Nunca li nada do gênero Chick lit mas me parece divertido e leve,
    Bjks

    ResponderExcluir
  4. Oie
    Quem é sã consciência bota o nome de sua cachorrinha de au-au kkk.Eu tenho lido vários chick-lits ultimamente e esse é um gênero ao qual eu peguei bastante afeição já que é quase impossível não se divertir com algumas cenas. E eu não conhecia esse livro que conta a história da Darla mas me lembrou alguns filmes que já vi.E foi escrito por um homem,isso é ainda mais interessante.

    ResponderExcluir

- Seu comentário estará visível depois de aprovado
- Comentários ofensivos e preconceituosos não serão aceitos.
- Não forneço livros em PDF, por favor não comente se for para fazer este tipo de solicitação.

No Instagram

Copyright © 2017 Meu Vício em Livros | Todos os direitos reservados | Design e desenvolvimento: J.A Layouts